O guia definitivo para rolamentos ABEC

O guia definitivo para rolamentos ABEC

O Comitê Anular de Engenharia de Rolamentos (ABEC) existe há mais de 50 anos e é uma divisão da American Bearing Manufacturers Association (AMBA). O sistema de classificação ABEC foi projetado para estabelecer tolerâncias e especificações aceitáveis ​​para a precisão dimensional e geométrica de todos os rolamentos. A classe de tolerância de um rolamento é chamada de classe ABEC. As classificações ABEC são o padrão aceito pela indústria para rolamento de esfera e rolamento de rolo tolerâncias, portanto, os fabricantes de rolamentos em todo o mundo são obrigados a ter classificações ABEC para seus produtos. Depois de avaliada, a classificação é gravada no rolamento. É claro que, dependendo da designação da norma local, as tolerâncias dos rolamentos também podem ser especificadas pela norma ISO 492 e JISB 1514 padrões. As classificações ABEC servem como um dos guias de referência projetados para ajudar os consumidores a tomar decisões informadas sobre o tipo de rolamento mais adequado para sua aplicação, mas não são o único guia. Portanto, o sistema de classificação ABEC é apenas uma das muitas ferramentas que devem ser usadas ao determinar as opções de rolamentos apropriadas.

Qual é a classificação do rolamento ABEC?

O sistema de classificação de rolamentos ABEC usa números ímpares (1, 3, 5, 7, 9) para classificações de classificação. Suas classificações são o padrão aceito para tolerâncias de rolamentos de esferas. A escala mostra cinco níveis, da tolerância mais ampla à mais restrita: 1, 3, 5, 7 e 9. Cinco classificações diferentes são organizadas em ordem crescente de classe do rolamento. Classes ABEC mais altas significam tolerâncias mais restritas e maior precisão, eficiência e capacidade de velocidade do rolamento. Deve-se observar que a velocidade de rotação de um rolamento depende de vários outros fatores além da classificação ABEC específica, mas não é o único fator. Os rolamentos que não atendem pelo menos aos padrões ABEC 1 não podem ser classificados como rolamentos de precisão porque suas tolerâncias são muito frouxas. Normalmente, os rolamentos ABEC de alta classificação (ABEC 5, 7, 9) são adequados para aplicações de precisão, como instrumentação de aeronaves, máquinas-ferramentas e equipamentos cirúrgicos. Os rolamentos ABEC de grau inferior (ABEC 1 e 3) são adequados para a maioria das outras aplicações que exigem rolamentos de esferas, incluindo veículos, skates, mecânica de hobby, carretilhas de pesca, etc.

Rolamento ABEC

Classes de tolerância de rolamento ABEC

A tabela abaixo lista as tolerâncias reais ABEC e RBEC em conformidade com ABMA Padrão 20. Estas tabelas listam as tolerâncias dos anéis interno e externo em polegadas e unidades métricas. Essas tabelas podem ser usadas para determinar dimensões e tolerâncias de componentes como eixos e mancais. Ao dimensionar rolamentos, os projetistas devem sempre realizar um estudo de empilhamento de tolerâncias nas condições máximas e mínimas do material, especialmente ao projetar rolamentos de esferas em miniatura. ABEC usa dois fatores principais para determinar os níveis de tolerância: precisão dimensional e precisão de funcionamento. A precisão dimensional inclui características físicas do rolamento, como: diâmetro do furo, diâmetro externo, largura do rolamento, desvio permitido da conicidade do anel interno, erro de forma, etc. A precisão de funcionamento, por outro lado, mede parâmetros relacionados à imprecisão, como desvio axial ou desvio interno e desvio do anel externo, etc.

  • ABEC 1 é a classe de rolamento mais áspera, menos precisa, mais durável e menos dispendiosa.

  • ABEC 3 é a classe mais econômica dos rolamentos mais baratos, adequada para a maioria das aplicações.

  • ABEC 5 é uma classe de rolamento que atinge velocidades razoáveis ​​a um custo razoável.​

  • Os rolamentos ABEC grau 7 são muito rápidos e suaves, mas muito caros.

  • ABEC 9 e notas superiores são muito caras e podem nem estar disponíveis para compra diária.

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-3

4

0

-16

-

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-3

4

0

-47

-98

10

18

0.3937

0.7087

0

-3

4

0

-47

-98

18

30

0.7087

1.1811

0

-4

5

0

-47

-98

30

50

1.1811

1.9685

0

-4.5

6

0

-47

-98

50

80

1.9685

3.1496

0

-6

8

0

-59

-150

80

120

3.1496

4.7244

0

-8

10

0

-79

-150

120

180

4.7244

7.0866

0

-10

12

0

-98

-197

180

250

7.0866

9.8425

0

-12

16

0

-118

-197

250

315

9.8425

12.4016

0

-14

20

0

-138

-197

315

400

12.4016

15.7480

0

-16

24

0

-157

-248

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-8

10

0

-40

-

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-8

10

0

-120

-250

10

18

0.3937

0.7087

0

-8

10

0

-120

-250

18

30

0.7087

1.1811

0

-10

13

0

-120

-250

30

50

1.1811

1.9685

0

-12

15

0

-120

-250

50

80

1.9685

3.1496

0

-15

20

0

-150

-380

80

120

3.1496

4.7244

0

-20

25

0

-200

-380

120

180

4.7244

7.0866

0

-25

30

0

-250

-500

180

250

7.0866

9.8425

0

-30

40

0

-300

-500

250

315

9.8425

12.4016

0

-35

50

0

-350

-500

315

400

12.4016

15.7480

0

-40

60

0

-400

-630

Tabela IB
Classe de tolerância ABEC-1, RBEC-1
(Classe ISO Normal)
Anel externo

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-3

6

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-3

6

18

30

0.7087

1.1811

0

-3.5

6

30

50

1.1811

1.9685

0

-4.5

8

50

80

1.9685

3.1496

0

-5

10

80

120

3.1496

4.7244

0

-6

14

120

150

4.7244

5.9055

0

-7

16

150

180

5.9055

7.0866

0

-10

18

180

250

7.0866

9.8425

0

-12

20

250

315

9.8425

12.4016

0

-14

24

315

400

12.4016

15.7480

0

-16

28

400

500

15.7480

19.6850

0

-18

31

500

630

19.6850

24.8031

0

-20

39

630

800

24.8031

31.4961

0

-30

47

800

1000

31.4961

39.3701

0

-39

55

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-8

15

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-8

15

18

30

0.7087

1.1811

0

-9

15

30

50

1.1811

1.9685

0

-11

20

50

80

1.9685

3.1496

0

-13

25

80

120

3.1496

4.7244

0

-15

35

120

150

4.7244

5.9055

0

-18

40

150

180

5.9055

7.0866

0

-25

45

180

250

7.0866

9.8425

0

-30

50

250

315

9.8425

12.4016

0

-35

60

315

400

12.4016

15.7480

0

-40

70

400

500

15.7480

19.6850

0

-45

80

500

630

19.6850

24.8031

0

-50

100

630

800

24.8031

31.4961

0

-75

120

800

1000

31.4961

39.3701

0

-100

140

Tabela IIA
Classe de tolerância ABEC-3, RBEC-3
(ISO Classe 6)
Anel interno

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-3

2

0

-16

-

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-3

2.5

0

-47

-98

10

18

0.3937

0.7087

0

-3

3

0

-47

-98

18

30

0.7087

1.1811

0

-3

3

0

-47

-98

30

50

1.1811

1.9685

0

-4

4

0

-47

-98

50

80

1.9685

3.1496

0

-4.5

4

0

-59

-150

80

120

3.1496

4.7244

0

-6

5

0

-79

-150

120

180

4.7244

7.0866

0

-7

7

0

-98

-197

180

250

7.0866

9.8425

0

-8.5

8

0

-118

-197

250

315

9.8425

12.4016

0

-10

10

0

-138

-197

315

400

12.4016

15.7480

0

-16

24

0

-157

-248

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-7

5

0

-40

-

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-7

6

0

-120

-250

10

18

0.3937

0.7087

0

-7

7

0

-120

-250

18

30

0.7087

1.1811

0

-8

8

0

-120

-250

30

50

1.1811

1.9685

0

-10

10

0

-120

-250

50

80

1.9685

3.1496

0

-12

10

0

-150

-380

80

120

3.1496

4.7244

0

-15

13

0

-200

-380

120

180

4.7244

7.0866

0

-18

18

0

-250

-500

180

250

7.0866

9.8425

0

-22

20

0

-300

-500

250

315

9.8425

12.4016

0

-25

25

0

-350

-500

315

400

12.4016

15.7480

0

-30

30

0

-400

-630

Classe de tolerância ABEC-3, RBEC-3
(ISO Classe 6)
Anel externo

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-3

3

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-3

3

18

30

0.7087

1.1811

0

-3

3.5

30

50

1.1811

1.9685

0

-3.5

4

50

80

1.9685

3.1496

0

-4.5

5

80

120

3.1496

4.7244

0

-5

7

120

150

4.7244

5.9055

0

-6

8

150

180

5.9055

7.0866

0

-7

9

180

250

7.0866

9.8425

0

-8

10

250

315

9.8425

12.4016

0

-10

12

315

400

12.4016

15.7480

0

-11

14

400

500

15.7480

19.6850

0

-13

16

500

630

19.6850

24.8031

0

-20

39

630

800

24.8031

31.4961

0

-18

24

800

1000

31.4961

39.3701

0

-24

30

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-7

8

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-7

8

18

30

0.7087

1.1811

0

-8

9

30

50

1.1811

1.9685

0

-9

10

50

80

1.9685

3.1496

0

-11

13

80

120

3.1496

4.7244

0

-13

18

120

150

4.7244

5.9055

0

-15

20

150

180

5.9055

7.0866

0

-18

23

180

250

7.0866

9.8425

0

-20

25

250

315

9.8425

12.4016

0

-25

30

315

400

12.4016

15.7480

0

-28

35

400

500

15.7480

19.6850

0

-33

40

500

630

19.6850

24.8031

0

-38

50

630

800

24.8031

31.4961

0

-45

60

800

1000

31.4961

39.3701

0

-60

75

Tabela IIIA
Classe de tolerância ABEC-5, RBEC-5
(ISO Classe 5)
Anel interno

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-2

1.5

0

-16

-98

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-2

1.5

0

-16

-98

10

18

0.3937

0.7087

0

-2

1.5

0

-31

-98

18

30

0.7087

1.1811

0

-2.5

1.5

0

-47

-98

30

50

1.1811

1.9685

0

-3

2

0

-47

-98

50

80

1.9685

3.1496

0

-3.5

2

0

-59

-98

80

120

3.1496

4.7244

0

-4

2.55

0

-79

-150

120

180

4.7244

7.0866

0

-5

3

0

-98

-150

180

250

7.0866

9.8425

0

-6

4

0

-118

-197

250

315

9.8425

12.4016

0

-7

5

0

-138

-197

315

400

12.4016

15.7480

0

-9

6

0

-157

-248

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-5

4

0

-40

-250

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-5

4

0

-40

-250

10

18

0.3937

0.7087

0

-5

4

0

-80

-250

18

30

0.7087

1.1811

0

-6

4

0

-120

-250

30

50

1.1811

1.9685

0

-8

5

0

-120

-250

50

80

1.9685

3.1496

0

-9

5

0

-150

-250

80

120

3.1496

4.7244

0

-10

6

0

-200

-380

120

180

4.7244

7.0866

0

-13

8

0

-250

-380

180

250

7.0866

9.8425

0

-15

10

0

-300

-500

250

315

9.8425

12.4016

0

-18

13

0

-350

-500

315

400

12.4016

15.7480

0

-23

15

0

-400

-630

Tabela IIIB

Classe de tolerância ABEC-5, RBEC-5
(ISO Classe 5)
Anel externo

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-2

2

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-2

2

18

30

0.7087

1.1811

0

-2.5

2.5

30

50

1.1811

1.9685

0

-3

3

50

80

1.9685

3.1496

0

-3.5

3

80

120

3.1496

4.7244

0

-4

4

120

150

4.7244

5.9055

0

-4.5

4.5

150

180

5.9055

7.0866

0

-5

5

180

250

7.0866

9.8425

0

-6

6

250

315

9.8425

12.4016

0

-7

7

315

400

12.4016

15.7480

0

-8

8

400

500

15.7480

19.6850

0

-9

9

500

630

19.6850

24.8031

0

-11

10

630

800

24.8031

31.4961

0

-14

12

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-5

5

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-5

5

18

30

0.7087

1.1811

0

-6

6

30

50

1.1811

1.9685

0

-6

6

50

80

1.9685

3.1496

0

-9

8

80

120

3.1496

4.7244

0

-10

10

120

150

4.7244

5.9055

0

-11

11

150

180

5.9055

7.0866

0

-13

13

180

250

7.0866

9.8425

0

-15

15

250

315

9.8425

12.4016

0

-18

18

315

400

12.4016

15.7480

0

-20

20

400

500

15.7480

19.6850

0

-23

23

500

630

19.6850

24.8031

0

-28

25

630

800

24.8031

31.4961

0

-35

30

Tabela IVA 

Classe de tolerância ABEC-7, RBEC-7
(ISO Classe 4)
Anel interno

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-1.5

1

0

-16

-98

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-1.5

1

0

-16

-98

10

18

0.3937

0.7087

0

-1.5

1

0

-31

-98

18

30

0.7087

1.1811

0

-2

1

0

-47

-98

30

50

1.1811

1.9685

0

-2.5

1.5

0

-47

-98

50

80

1.9685

3.1496

0

-3

1.5

0

-59

-98

80

120

3.1496

4.7244

0

-3

2

0

-79

-150

120

180

4.7244

7.0866

0

-4

2.5

0

-98

-150

180

250

7.0866

9.8425

0

-4.5

3

0

-118

-197

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-4

2.5

0

-40

-250

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-4

2.5

0

-40

-250

10

18

0.3937

0.7087

0

-4

2.5

0

-80

-250

18

30

0.7087

1.1811

0

-5

3

0

-120

-250

30

50

1.1811

1.9685

0

-6

4

0

-120

-250

50

80

1.9685

3.1496

0

-7

4

0

-150

-250

80

120

3.1496

4.7244

0

-8

5

0

-200

-380

120

180

4.7244

7.0866

0

-10

6

0

-250

-380

180

250

7.0866

9.8425

0

-12

8

0

-300

-500

Classe de tolerância ABEC-7, RBEC-7
(ISO Classe 4)
Anel externo

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-1.5

1

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-1.5

1

18

30

0.7087

1.1811

0

-2

1.5

30

50

1.1811

1.9685

0

-2.5

2

50

80

1.9685

3.1496

0

-3

2

80

120

3.1496

4.7244

0

-3

2.5

120

150

4.7244

5.9055

0

-3.5

3

150

180

5.9055

7.0866

0

-4

3

180

250

7.0866

9.8425

0

-4.5

4

250

315

9.8425

12.4016

0

-5

4.5

315

400

12.4016

15.7480

0

-6

5

Valores de tolerância métrica em micrômetros

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-4

3

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-4

3

18

30

0.7087

1.1811

0

-5

4

30

50

1.1811

1.9685

0

-6

5

50

80

1.9685

3.1496

0

-7

5

80

120

3.1496

4.7244

0

-8

6

120

150

4.7244

5.9055

0

-9

7

150

180

5.9055

7.0866

0

-10

8

180

250

7.0866

9.8425

0

-11

10

250

315

9.8425

12.4016

0

-13

11

315

400

12.4016

15.7480

0

-15

13

Tabela VA
Classe de tolerância ABEC-9, RBEC-9
(ISO Classe 2)
Anel interno

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-1

0.5

0

-16

-98

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-1

0.5

0

-16

-98

10

18

0.3937

0.7087

0

-1

0.5

0

-31

-98

18

30

0.7087

1.1811

0

-1

1

0

-47

-98

30

50

1.1811

1.9685

0

-1

1

0

-47

-98

50

80

1.9685

3.1496

0

-1.5

1

0

-59

-98

80

120

3.1496

4.7244

0

-2

1

0

-79

-150

120

150

4.7244

5.9055

0

-3

1

0

-98

-150

150

180

5.9055

7.0866

0

-3

2

0

-98

-150

180

250

7.0866

9.8425

0

-3

2

0

-118

-197

Valores MetricTolerance em micrômetros

Diâmetro do furo (d)

Aborrecer
Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (KI a)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

0.6

2.5

0.0236

0.0984

0

-2.5

1.5

0

-40

-250

2.5

10

0.0984

0.3937

0

-2.5

1.5

0

-40

-250

10

18

0.3937

0.7087

0

-2.5

1.5

0

-80

-250

18

30

0.7087

1.1811

0

-2.5

2.5

0

-120

-250

30

50

1.1811

1.9685

0

-2.5

2.5

0

-120

-250

50

80

1.9685

3.1496

0

-4

2.5

0

-150

-250

80

120

3.1496

4.7244

0

-5

2.5

0

-200

-380

120

150

4.7244

5.9055

0

-7

2.5

0

-250

-380

150

180

5.9055

7.0866

0

-7

5

0

-250

-380

180

250

7.0866

9.8425

0

-8

5

0

-300

-500

Tabela VB
Classe de tolerância ABEC-9, RBEC-9
(ISO Classe 2)
Anel externo

Valores de tolerância em 0.0001 polegada

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-1

0.5

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-1

0.5

18

30

0.7087

1.1811

0

-1

0.5

30

50

1.1811

1.9685

0

-1.5

1

50

80

1.9685

3.1496

0

-1.5

1.5

80

120

3.1496

4.7244

0

-2

2

120

150

4.7244

5.9055

0

-2

2

150

180

5.9055

7.0866

0

-3

2

180

250

7.0866

9.8425

0

-3

3

250

315

9.8425

12.4016

0

-3

3

315

400

12.4016

15.7480

0

-4

3

Valores MetricTolerance em micrômetros

Diâmetro externo (D)

Diâmetro Externo. Tolerância
(Δdmp)

Excentricidade radial (Kea)

Tolerância de largura (ΔBS)

mm

polegada

todos os

rolamento único

rolamentos emparelhados

Acima de

incl.

Acima de

incl.

Alto

baixo

máx.

Alto

baixo

2.5

6

0.0984

0.2362

0

-2.5

1.5

Idêntico à tolerância de largura (ΔBS) do anel interno do mesmo rolamento

6

18

0.2362

0.7087

0

-2.5

1.5

18

30

0.7087

1.1811

0

-4

2.5

30

50

1.1811

1.9685

0

-4

2.5

50

80

1.9685

3.1496

0

-4

4

80

120

3.1496

4.7244

0

-5

5

120

150

4.7244

5.9055

0

-5

5

150

180

5.9055

7.0866

0

-7

5

180

250

7.0866

9.8425

0

-8

7

250

315

9.8425

12.4016

0

-8

7

315

400

12.4016

15.7480

0

-10

8

Que outras classes importantes de tolerância de rolamento existem?

Muitos países no mundo têm suas próprias organizações de padronização de rolamentos. Por exemplo, Alemanha, Japão, Coreia do Sul, Rússia e China são os principais países produtores de rolamentos e todos possuem padrões industriais que abrangem rolamentos de esferas e de rolos. Em quase todos os casos, estas normas são semelhantes ou equivalentes à ISO 492. A tabela abaixo mostra classes de tolerância equivalentes para as três normas mais comuns.

Padrão ANSI 20

ISO 492

DIN 620

ABEC 1

Classe Normal

P0

ABEC 3

Aula 6

P6

ABEC 5

Aula 5

P5

ABEC 7

Aula 4

P4

ABEC 9

Aula 2

P2

Limitações das classificações de rolamentos ABEC

Embora as classes de tolerância do rolamento controlem principalmente as dimensões limite dos anéis, também deve ser observado que algumas características críticas para o desempenho e a vida útil do rolamento não são controladas pelas especificações ABEC (ou ISO). Isso inclui folga interna, acabamento superficial, precisão da esfera, torque, ruído, tipo de gaiola e lubrificação, etc. Esses itens, juntamente com o grau de precisão, devem ser especificados ao selecionar rolamentos para garantir vida útil e desempenho ideais. Em muitos casos, é uma dessas características, e não o nível de precisão, que produzirá o desempenho e/ou longevidade desejados, desde que seja especificado corretamente.

O sistema de classificação ABEC pode ser enganoso por vários motivos:

Escopo limitado: ABEC mede apenas tolerâncias dimensionais, não requisitos de desempenho do mundo real, como velocidade ou durabilidade.

Métricas enganosas: Uma classificação ABEC elevada não garante melhor desempenho; outros fatores desempenham um papel importante.

Aplicações Especiais: A seleção de rolamentos para aplicações especiais, como polias de patins de velocidade em linha, requer rolamentos que possam suportar tensões específicas, e a ABEC não resolve esse problema.

Além disso, o sistema de classificação ABEC não inclui: carga lateral, resistência ao impacto, seleção e classificação do material, folga entre esferas e pistas, requisitos de instalação e necessidade de manutenção e limpeza. Todos esses requisitos de projeto de rolamento são importantes para o desempenho de seus rolamentos.

Na verdade, descobrimos que, em muitos casos, os rolamentos com classificações ABEC altas nem sequer apresentam um desempenho tão bom quanto outros rolamentos com classificações ABEC mais baixas, como em patins ou rodas de scooters. A diferença de desempenho entre dois rolamentos com a mesma classificação ABEC também é enorme. Portanto, confiar apenas nas classificações ABEC não pode ser o único fator na seleção do rolamento certo para você.

Como você mede a classe ABEC de um rolamento?

É claro que é possível medir a classificação ABEC de um rolamento, mas não é uma questão simples. A classificação ABEC de um rolamento geralmente é indicada na embalagem do rolamento ou na folha de dados do fabricante. Se esta informação não estiver disponível, a classificação ABEC de um rolamento pode ser medida usando uma variedade de instrumentos de medição muito precisos, como micrômetros e comparadores ópticos. Para medir a classificação ABEC de um rolamento, primeiro o rolamento deve ser removido da aplicação em que é usado e, em seguida, devem ser feitas as seguintes medições:

  • 1. Diâmetro externo do rolamento: Use um micrômetro ou comparador óptico para medir o diâmetro externo do rolamento.

  • 2. Diâmetro interno do rolamento: Use um micrômetro ou comparador óptico para medir o diâmetro interno do rolamento.

  • 3. Espessura da parede do rolamento: Use um micrômetro ou comparador óptico para medir a espessura da parede do rolamento.

Uma vez obtidas essas medições, uma tabela de conversão pode ser usada para determinar a classificação ABEC do rolamento. De modo geral, quanto maior o grau ABEC, maior será a precisão do rolamento. Porém, vale ressaltar que as classificações ABEC não levam em consideração outros fatores que podem afetar a qualidade do rolamento, como a qualidade das esferas e dos acessórios. Portanto, medir a classificação ABEC de um rolamento está muitas vezes além da capacidade de usuários particulares, como patinadores. Se você estiver interessado em saber mais sobre a classificação ABEC dos rolamentos que você usa, entre em contato com a Aubering hoje mesmo!

O que é importante, o grau ABEC ou a qualidade do material do rolamento?

Tanto o grau ABEC quanto a qualidade dos materiais usados ​​para fabricar o rolamento afetam o desempenho do rolamento. No entanto, a qualidade dos materiais utilizados é muitas vezes importante, uma vez que materiais de maior qualidade contribuem para uma vida útil mais longa do rolamento e um desempenho consistente. De modo geral, os fabricantes usam materiais melhores para produzir classificações ABEC mais altas.

Os rolamentos cerâmicos também possuem classificações ABEC?

O sistema de classificação ABEC foi originalmente desenvolvido para rolamentos de esferas de aço. No entanto, alguns fabricantes de rolamentos também estendem os sistemas ABEC para sistemas híbridos e rolamentos de cerâmica. Os rolamentos híbridos são feitos de uma combinação de materiais como aço e cerâmica ou aço e polímero. Eles são frequentemente usados ​​em aplicações onde são necessárias boa capacidade de carga e boa suavidade, como motores elétricos (por exemplo, fusos motorizados) em certas aplicações. Rolamentos cerâmicos são feitos inteiramente de materiais cerâmicos, como nitreto de silício. Eles são frequentemente usados ​​em aplicações onde são necessárias boa resistência ao desgaste, boa resistência ao calor e boa suavidade (por exemplo, eles também são usados ​​em patins profissionais de “velocidade”). Se o fabricante do rolamento oferecer um sistema ABEC para rolamentos híbridos ou cerâmicos, as definições das diversas classes poderão diferir das classes ABEC para rolamentos de esferas de aço. Em geral, é importante consultar o fabricante ou fornecedor de rolamentos para obter informações precisas sobre as definições de classe ABEC disponíveis para rolamentos cerâmicos ou híbridos.

rolamentos de cerâmica

Como escolher a classe ABEC certa para seus rolamentos?

Escolhendo a classe ABEC certa para o seu rolamento a aplicação exige um entendimento completo do que representa a nota ABEC. A maioria dos rolamentos vendidos são ABEC Classe 1 e 3 e apresentam um desempenho muito bom. Esses rolamentos estão no nível intermediário e são comumente encontrados em aplicações de não precisão, como componentes automotivos, skates, motores elétricos e caixas de câmbio. Em aplicações onde os rolamentos precisam operar em velocidades de rotação muito altas, ou em equipamentos que exigem posicionamento preciso, muitas vezes são necessárias tolerâncias mais restritas. Por exemplo, produtos com velocidades de rotação superiores a 30,000 rpm, como roteadores de alta velocidade, são chamados de alta precisão, ultraprecisão e ultra-alta precisão. Nestes casos, normalmente é necessária uma classificação ABEC de 7 ou 9. A fabricação desses rolamentos de classificação mais alta requer usinagem precisa e tempos de produção mais longos. Eles também são significativamente caros, muitas vezes até cinco vezes mais caros do que os rolamentos de classificação inferior.

escolha o rolamento certo

É importante observar que, embora as classes ABEC possam ajudar a determinar o desempenho do rolamento até certo ponto, há vários outros fatores que precisam ser avaliados ao selecionar o rolamento apropriado. Por exemplo, resistência ao impacto, carga lateral, lubrificação, folga, ruído e requisitos de instalação. Portanto, podem ser observadas diferenças significativas no desempenho entre dois rolamentos com classificações semelhantes em ambientes diferentes. Por razões semelhantes, em alguns casos, um rolamento com classificação ABEC mais baixa pode ter melhor desempenho em uma aplicação específica do que um rolamento com classificação ABEC mais alta.

FÁBRICA DE AUBEAR
AUBEAR
Fatores materiais que afetam a vida útil do rolamento

Conclusão

Aubearing distribui rolamentos de esferas e rolos para compradores norte-americanos e internacionais há mais de vinte anos. Somos especializados na fabricação de rolamentos para aplicações específicas para garantir que nossos produtos possam atender às necessidades de nossos clientes em qualquer setor. Para determinar a precisão do rolamento e a classificação ABEC apropriada para sua aplicação, entre em contato com a Aubering.